arrow-right cart chevron-down chevron-left chevron-right chevron-up close menu minus play plus search share user email pinterest facebook instagram snapchat tumblr twitter vimeo youtube subscribe dogecoin dwolla forbrugsforeningen litecoin amazon_payments american_express bitcoin cirrus discover fancy interac jcb master paypal stripe visa diners_club dankort maestro trash

Shopping Cart



&Blog

#2 Brands We Care - THE HAPPY NEST


#2 Brands We Care - THE HAPPY NEST


Neste artigo falamos-te da marca THE HAPPY NEST, como surgiu de uma paixão imensa pelos animais e quais os planos para o futuro. Um testemunho da sua fundadora, a Rita. THE HAPPY NEST partilha casa connosco em Alcântara ❤️ porque nos une acreditar no poder infinito e transformador dos animais na nossa vida.

 

Fala-nos um pouco de ti, Rita.

Sou a Rita, tenho 28 anos e sou mãe de uma gatinha de 4 anos, a Carlota, e de uma cadela de 15, a Cuca, resgatada por uma associação em pequenina.
A minha área de formação é gestão de marketing e marketing digital e, paralelamente ao projeto THE HAPPY NEST, trabalho na área da banca corporate, em marketing digital.

Como é que os animais entraram na tua vida? 

Desde que eu me lembro, os animais sempre estiveram presentes na minha vida. Ou porque os meus pais foram adotando animais abandonados que se cruzavam no nosso caminho ou porque eram eles que chegavam até nós, a verdade é que sempre vivi rodeada de cães e gatos e herdei esse amor pelos animais, o que fez com que descobrisse desde muito cedo o quão maravilhosos são. Hoje em dia não consigo imaginar a minha vida sem animais. Sou aquela pessoa que, sempre que vê um cão, se transforma numa criança feliz que só quer ir abraçá-lo.

O que é que os animais te ensinam? 

Tanta coisa. Ensinam-me todos os dias o significado do amor mais puro e incondicional que conheço (I mean, não há melhor sensação do que chegar a casa e ter uma receção tão calorosa, todo o santo dia). Ensinam-me a apreciar e a viver mais o presente e, sendo uma pessoa com a cabeça sempre a mil e muito ansiosa, ajudam-me a abrandar e a valorizar os pequenos momentos. Adoro sentir a minha gata a “sorrir” e a ronronar ou ver a minha cadela, já tão velhinha, a correr de alergia e a brincar com outros cães na rua. Saber que sou responsável por essa felicidade, deixa-me também a mim tão feliz, realizada e muito grata por as ter na minha vida. 

O que te levou a criar este projeto?

Sentia que claramente faltava no mercado uma marca de artigos para animais que tivessem também em conta a decoração das nossas casas. No início do ano passado, quando comecei a trabalhar a partir de casa e a passar muito mais tempo a observar e a “magicar” ideias, um dia olhei para a cama da Carlota (na altura uma espécie de teepee sem graça) e tive uma epifania. Nesse momento, fez-me todo o sentido criar uma marca de camas para animais elegantes, com design simples e funcional e, passado 1 ano, lancei finalmente este meu bebé.

Porquê o nome THE HAPPY NEST?

A tradução literal do nome é “o ninho feliz”. Nest (ninho) tem um duplo sentido: tanto podemos pensar no ninho como as camas onde os animais dormem (uma associação direta ao principal produto da marca), mas “ninho” é também a nossa casa, o nosso espaço mais seguro e confortável. Acredito mesmo que todas as casas onde habitam animais de estimação são casas mais felizes e daí o nome fazer todo o sentido.

Até onde queres levar a marca?

Neste momento, o grande foco é conseguir chegar a mais pessoas e isso passa por trabalhar muito a notoriedade da marca. Quero também explorar e apostar no mercado espanhol, que naturalmente tem outra dimensão do nosso, e para isso vamos começar a trabalhar com alguns embaixadores e influenciadores locais e, quem sabe, fazer também algumas parcerias com lojas nas principais cidades espanholas.

A nível mais transversal, faz parte da nossa estratégia desenvolver e trazer novos produtos para o mercado, alinhados com o nosso posicionamento. Se pensarmos em todos os produtos que uma casa onde vive um animal tem que ter para além das camas desde mantas, brinquedos, arrumação, comedouros, etc., são esses os produtos que iremos explorar e procurar trazer para o mercado. A minha ambição é ser capaz de “equipar” totalmente uma casa onde habite um cão ou um gato com produtos elegantes, de design simples, funcional e com o selo português, claro. É esse o caminho que pretendo fazer.